sábado, dezembro 23, 2006

Feliz Natal!!

E porque estamos quase na noite de Natal, e porque o tempo é cada menos e porque vou me ausentar durante a semana entre o Natal e o Ano Novo e só voltarei aqui lá para dia 30 0u 31, queria desejar:

- A Todos que passam por aqui sempre, aos habitués...
- Aos que só passam de vez em quando...
- Aos que já conheço, e que gostei de conhecer...
- Aos que ainda não conheço mas gostava de conhecer (Lurdes, Blondie, Sofia etc, etc)

A todos voçês um Belissimo Natal, com muita saude, dinheirinho, alegria e muita felicidade no vosso sapatinho.

Deixo-vos com 2 coisas: a minha árvore Natal que tanto trabalho me deu a fazer eheheh (esta é para ti , Silvia ;-);

E cá vai um "presentinho" para todos , já que sei que muitas pessoas não sabem, de certeza:

- Para quem tem TV Cabo na semana de 24 a 31 de Janeiro, o Telecine vai transmitir em canal aberto, mesmo para que não tem box. Portanto aproveitem que vai ser uma semaninha cheia de bons filmes.

quarta-feira, dezembro 20, 2006

Manual para quem sai á noite. :-)

Este manual pode salvar vidas!!!!!!!!!!!!!!! Por favor use-o.

Causas, efeitos secundários e soluções possíveis derivados do consumo de álcool:
1. Sintoma: Pés húmidos e frios.
Causa: Estás a agarrar o copo com um ângulo incorrecto.
Solução: Vai virando o copo até a parte aberta ficar virada para cima.

2. Sintoma: Pés quentes e molhados.
Causa: Já te mijaste.
Solução: Procura a casa de banho mais próxima e seca-te.

3. Sintoma: A parede à tua frente está cheia de luzes.
Causa: Caíste de costas.
Solução: Posiciona o teu corpo 90º em relação ao chão.

4. Sintoma: Tens a boca cheia de beatas de cigarros.
Causa: Caíste com a fronha dentro do cinzeiro.
Solução: Cospe e enxagua com um bom gin tónico.

5. Sintoma: O chão está desfocado.
Causa: Estás a olhar através de um copo vazio.
Solução: Enche o copo!!!

6. Sintoma: O chão está a mexer-se.
Causa: Estás a ser arrastado.
Solução: Pergunta ao menos para onde é que te estão a levar, caso seja para outro bar está tudo bem, no caso contrário, manifesta-te!

7. Sintoma: Reflexo de caras a olhar para ti através da água.
Causa: Estás no lavatório a tentar ir ao grego.
Solução: Mete o dedo (Na garganta).

8. Sintoma: Ouves as pessoas a falar com um estranho eco.
Causa: Tens o copo na orelha.
Solução: Pára de te armar em parvo.

9. Sintoma: A discoteca mexe-se muito, toda a gente está vestida de branco e a música já começa a ser repetitiva.
Causa: Estás numa ambulância.
Solução: Não te mexas; possível coma alcoólico.

10. Sintoma: O teu pai parece chateado e os teus irmãos olham para ti como se não soubessem quem tu és.
Causa: Ups! Casa errada!!!
Solução: Pergunta se sabem onde fica a tua.

11. Sintoma: Um enorme foco de luz do disco quase te deixa cego.
Causa: Estás a arrochar no meio da rua e já amanheceu.
Solução: Café e uma boa sorna.

PS: Não guardes esta informação só para ti, partilha-a com os teus amigos,eles hão-de agradecer-te!
;-)

segunda-feira, dezembro 18, 2006

Stresses e Woody Allen.


Ontem e depois de mais uma ida ás compras que me deixou os pézitos e as costas de rastos, e mais umas 2 horitas a seguir, a embrulhar prendas (destesto ter que embrulhar prendas, mas detesto mais ainda estar nas filas para me embrulharem as ditas), decidi que tinha que dar folga ao corpo e ao espirito e fazer aquilo qur todos fazem nos finais de semana, descansar.
E nada melhor do que assistir a um filmezinho, já que ando com a parte do cinema (algo de que gosto muito), muito atrasada...
E como ando atrasada decidi desta vez me adiantar e ver um filme que só estreará no cinema, aqui em Portugal em Janeiro ehehehhe.
O último filme do meu realizador de eleição, Wood Allen, http://www.imdb.com/title/tt0457513/, mais uma comédia cheia de situações deliciosas, em que ele como de costume ironiza com a vida e com ele próprio. Aconselho todos a verem quando puderem, até porque participa este querido que está assim uma coisa, que até me faltam palavras para o descrever...:-)

sexta-feira, dezembro 15, 2006

quinta-feira, dezembro 14, 2006

Dúvida (não existencial, mas quase).

Quando sabemos que um homem nos está a mentir, seja ele amigo, namorado, possivel namorado (não interessa o estado civil) numa conversa o que se faz??
Confronta-se a pessoa com a verdade imediatamente, ou finge-se que se acredita na altura, esperando pela altura em que a pessoa entrará em contradição e ai se irá "espalhar ao comprido"??
Agradecem-se antecipamente as consultas de psicologia á borla...:-))))

terça-feira, dezembro 12, 2006

Carta a alguém...

...que nunca a virá a ler.

É nesta altura do Natal em que os valores familiares, a união, o estar junto com a familia supostamente deveriam ser os mais importantes (e digo isto, porque muitos outros maus valores se sebropoem por vezes) que mais sinto a tua falta...

- Sinto falta de me puxares pelas mãos e colocá-las junto com as tuas nos bolsos do teu casaco, porque era muuito friorenta e aí as conseguia aquecer, junto com as tuas...

- Sinto falta da tua presença á mesa da Consoada, e no dia quem faço anos...afinal eramos só 3, já tão poucos, e ficámos ainda muito pior...
Acho que desde o dia em que partiste nunca mais tivemos um Feliz Natal...

- Sinto falta de me mimares com tudo o que eu gostava mais, dávas-mes tudo o que te pedia, fosse ou não dispendioso; não interessavam as prendas em si, mas o amor que me tinhas. Sei que faço anos dia 25, portanto teria sempre o prazer de receber 2 prendinhas, mas tu fazias muito mais do que isso, enchias o sofá da sala de recordações (no dia 25), apesar de a mãe não querer porque a menina ficaria demasiado mimada :-).
Escondias tudo em sitios inimagináveis porque eu era muito curiosa e antes do dia já tinha encontrado as prendas todas.


- Sinto falta do teu apoio, do teu carinho...


Ás vezes de noite quando era mais novita sonhava que aparecias em casa e eu te perguntava "por onde andaste este tempo todo, que nunca mais te vimos?"
Onde estavas tu quando casei e tive que pedir a um familiar para me levar pela mão? Quando tirei a carta, e andava por aí cheia de medo, não conseguia conduzir sozinha e tive que pedir a um vizinho para me acompanhar no lugar ao lado?
Quando eu e a mãe chorámos sozinhas aqui, porque ela decobriu que sofria de um probelma de saúde grave?
Quando eu me separei, e vi o meu futuro se desmoronar???

Sei que me terias que deixar um dia, mas ás vezes (sei que não deveria), revolto-me com o destino, com o karma, com o futuro, não sei, com aquilo que fez com que tu, cheio de saúde e ainda relativamente jovem nos deixasses...tu, que tinhas tantos sonhos, tanto projecto por concretizar...


Sinto muito a tua falta, Pai, todo o ano mas mais do que nunca nesta altura do Natal...



P.S. Não costumo escrever de forma tão intimista, porque aqueles que me conhecem melhor sabem que não gosto de me expor nem aqui no Blog, nem pessoalmente, mas quando criei este blog tb o criei para desabafar e é isso que este post é...
Apenas isso...porque esta não é só uma época de festa, mas também de saudade, e de lembrança daqueles que mais amamos e que já cá não estão.

segunda-feira, dezembro 11, 2006

23 coisas que não se pode morrer sem saber.

1 - O nome completo do Pato Donald é Donald Fauntleroy Duck.

2 - Em 1997, as linhas aéreas americanas economizaram US$40.000
eliminando uma azeitona de cada salada.

3 - Uma girafa pode limpar suas próprias orelhas com a língua.

4 - Milhões de árvores no mundo são plantadas acidentalmente por esquilos
que enterram nozes e não lembram onde eles as esconderam.

5 - Comer uma maçã é mais eficiente que tomar café para se manter
acordado.

6 - As formigas espreguiçam-se pela manhã quando acordam.

7 - As escovas de dentes azuis são mais usadas que as vermelhas.

8 - O porco é o único animal que se queima com o sol além do homem.

9 - Ninguém consegue lamber o próprio cotovelo, é impossível tocá-lo com a
própria língua.

10 - Só um alimento não se deteriora: o mel.

11 - Os golfinhos dormem com os olhos abertos.

12 - Um terço de todos os gelados vendidos no mundo são de baunilha.

13 - As unhas das mãos crescem aproximadamente quatro vezes mais rápido
que as unhas dos pés.

14 - O olho da avestruz é maior do que o seu cérebro.

15 - Os destros vivem, em média, nove anos mais que os canhotos.

16 - O "quack" de um pato não produz eco, e ninguém sabe porquê.

17 - O músculo mais potente do corpo humano é a língua.

18 - É impossível espirrar com os olhos abertos.

19 - "J" é a única letra que não aparece na tabela periódica.

20 - Uma gota de óleo torna 25 litros de água imprópria para o consumo.

21 - Os chimpanzés e os golfinhos são os únicos animais capazes de se
reconhecer na frente de um espelho.

22 - Rir durante o dia faz com que você durma melhor à noite.

23 - 40% dos telespectadores do Jornal Nacional dão boa noite ao
jornalista
no final.


Curiosidade:
Aproximadamente 70 % das pessoas que lêem isto, tentam lamber o cotovelo!

Não adianta, não dá
Heheheheh

quinta-feira, dezembro 07, 2006

O dia mais dificil na vida de uma mulher.


Sempre ouvi dizer "ah, e tal, o dia mais dificil na vida de uma mulher, o mais complicado é o dia do nascimento de um filho".
Pois e apesar de nunca ter tido filhos ( e respeito quem diga isso) eu cá digo que não....
Para mim o dia mais dificil é aquele dia no ano (que se repete todos os anos), em que tomo a decisão de fazer a minha árvore natalícia, ah, pois é!
Ora vejamos:
Primeira tarefa (sim, que isto não é só colocar luzinhas e enrolar as fitas):
- Ir ao sotão para ir buscar os enumeros caixotes de panafrenália natacilia. (sim que sou uma mocinha fashion, e gosto de mudar a decoração de vez em quando) . Ora para ir lá acima, preciso de me colocar em cima do escadote, porque sou pequenina e como não existe mais ninguém cá em casa, há qe subir e descer do escadote (com o risco de ainda me "estampar"), várias vezes, para colocar as caixas do chão. Quando estou assim a modos com a neura, atiro directamente as caixas para o chão, porque como não tenho vizinhos por baixo, ninguém de certeza se vai importar.
Depois há que trazer as caixas para sala, onde se vai montar a obra-prima, não se pode trazer tudo de uma vez, há que fazer várias viagens, piquenas, que a maison é mto pequena, mas viagens na mesma.
Depois o abrir das caixitas, dar cabo de todo o trabalho que tive no ano anterior a fechar tudo como deve ser.
A seguir a confusão, espalha-se tudo pela sala.
Ahhhhhhhhhhh..mas antes, de tudo isto, bem antes, tem que se montar a dita árvore propriamente. Primeiro há que ter cuidado em retirar a árvore da caixa, a que tinha o ano passado estava tão justa, que eu puxava, puxava e nada, e ás tantas, puxava com tanta força que ia a caixa para um lado e a árvore para outro.
Depois, colocar os suportes, e depois puxar os ramitos, ajustá-los de maneira a dar a ideia que a árvore é maior do que na realidade é (sim, que não há dinheiro nem espaço na sala para coisas muito altas).
A esta altura do campeonato já começo já começo a ter o chão da sala suja, com coisas que vão caindo.
Mas voltando aos efeites...
Olho para tanta coisa, e estou ali meia hora a decidir o que vou colocar (resultado desta minha indecisão resulta da personalidade que tenho).
Depois há que racicionar o que vou colocar primeiro: já me aconteceu colocar fitas, bolas etc, primeiro que as luzes e depois chegar á triste contatação que tinha que desfazer tudo, para colocar as luzes!!!!!
Bem, mas vou continuando, até acabar tudo para descobrir no fim (muitas das vezes) que afinal calculei mal as distâncias, e o fio das luzes não consegue chegar á ficha da eletricidade; nessas alturas apetece-me mesmo é deitar a ávore pela janela fora, com enfeites, luzes, bolas e tudo mais!!
Bem, mas parece que cheguei ao fim.
Moral da historia:
- Sala mais bonita, luzinhas apagar e acender, mas muito mais suja e desorganizada ( e que me vai levar mais uma tarde a organizar, já fiquei cansada e ainda tenho muito para fazer)
- Sou muito prefeccionista e isso tenho que mudar (nova resolução de Ano Novo)
- E a constatação que o Natal é uma época muito bonitaaaaaaaaaa, mas para quem mora acompanhado.

terça-feira, dezembro 05, 2006

O que será melhor??


Pois é, acabou de sair um novo album destes meninos, Il Divo de seu nome, com o album intitulado, "Siempre"...

Mas nem sei, tenho aqui uma dúvida...

Não sei o que será melhor: a voz deles, a musica para sonhar, ou...enfim, eles em si...:-)))

Alguém me ajuda, dando a sua opinião..?? ;-)

Fora brincadeiras :-) o album é lindo, o costume para quem gosta de os ouvir, comprem!!

segunda-feira, dezembro 04, 2006

Balanço do fim de semana.

Não, não me passou ainda a neura de todo (ás vezes há tretas que nos consomem e demoram a passar) mas pelo menos estou mais calma, digamos, que continuo a ver nuvens no céu, mas já não serão carregadas de preto mas sim, brancas. Isto para responder a alguém que me colocou a questão no post anterior...:-)

Agradeço desde já a todos pela simpatia demonstrada, no post anterior, pela forcinha ainda que virtual, enviada. Umas pessoas conheço, outras não, mas foram todos uns queridos. :-)

Mas voltando á frase que dá titulo a este post:

Pontos negativos:
- Fiquei sem Internet e telefone ao mesmo tempo (filhos da %#"?! da ONI, que só por me ter esquecido de pagar uma factura resolveram sem aviso prévio deixarem-me á mingua num fim de semana grande)
- Fiquei sem carro no Domingo, exactamente antes de ter que sair para uma coisa que tinha combinado, porque como sou uma grande distraida, deixei a luz acesa lá dentro, varios dias, e quando lá cheguei prontinha para arrancar, não tinha bateria!!!!!

Pontos positivos:
-Na sexta á noite, fui para o Dancing, com os amigos do costume e ao sitio do costume, o Havana, abanar o esqueleto ao som de Salsas, Kizombas e mais tarde musica comercial.
- No Domingo, café e lanchinho, com três meninas que fazem parte aqui do meu cantinho dos blogs, uma delas não a conhecia (Muito prazer menina, M. :-), onde descontraí, rindo de mim e dos outros, numa conversa muito agradável...:-)
Meninas, temos que repetir, quem sabe um almoçinho da próxima??? ;-)

Bem, chegado ao dia de hoje, e depois de ontem ter desembolsado uma pipa de massa, para a bateria, troca de óleos e estas coisitas que os bólides vão precisando, acho que o meu final de semana (e apesar de alguma tristeza, neura e etc, etc) nem foi mau de todo...

quinta-feira, novembro 30, 2006

Nuvens no horizonte.





Hoje estou assim....

Sim eu sei, o céu está azul, o tempo está bonito apesar de frio e não há nuvens no vosso céu...

Também sei que amanha é feriado, e depois são dois dias de descanso, e que deveria estar animada, mas não estou...

Tenho andado cansada, com pouco tempo, para mim, para as pessoas que conheço, para as coisas de que gosto, e isso provoca-me algum desiquilibrio no meu mundo supostamente controlado...
Gosto das situações controladas, e quando isso não acontece, sinto-me um pouco perdida..

Para além disso e pior do que isso, estou muito triste, desiludida com algumas pessoas, pessoas que dizem que gostam muito de mim, e que não haveriam de continuar a fazer coisas que nem se deveriam admitir uma vez, quanto mais dezenas, centenas de vezes, a magoar-me sempre.
Mas talvez a culpa seja mesmo minha, por continuar a acreditar, por permitir continuar a ser magoada...


Enfim...peço desculpa a quem me lê pelo desabafo, até porque não quero passar a neura a ninguém numa véspera de feriados mas como diz uma amiga minha "há dias assim"...
E com certeza virão dias diferentes, mas desde ontem que estou mto down...

Voltarei quando ao céu me sorrir novamente..

terça-feira, novembro 28, 2006

Descobertas científicas.

E porque nestes ultimos dias, e nesta semana em particular para além da falta de inspiração, ando com com muita falta de tempo para esta brincadeira que é o blog, cá vão umas pequenas coisas "apanhadas" por aí para aumentar a nossa cultura geral. :-))))

Beijar todos os dias evita ir ao dentista
Beijar aumenta a quantidade de saliva, que limpa a comida da nossa boca, reduz a taxa de ácido que provoca as caries e previne a produção da placa dentaria.

Muitas relações sexuais podem desentupir o nariz.
O sexo é um natural anti-histaminico. Ele combate a asma e a sinusite.


P.S. Posto isto, penso que iremos de futuro reduzir em muito os nossos gastos na farmacia e no dentista...ehehehhe

quinta-feira, novembro 23, 2006

As coisas que eu descubro por aí...:-)

Andava eu hoje pela Net em dia de desinspiração(estou desconfiada que acabei de inventar uma palavra nova, mas não faz mal) total para a escrita (chatices no emprego, chatices com umas certas pessoas no emprego, cansaço, uma soneira desgraçada e etc, etc) quando dou com esta noticia:

Pornografia para pandas


O panda gigante é uma das espécies que se encontra ameaçada de extinção. Desde os anos 60 que os cientistas procuram formas de a salvar. Na Tailândia, os investigadores fizeram vídeos de acasalamento para os pandas, que estão a dar resultados surpreendentes, conta a Sky News.

A iniciativa tinha como alvo os machos que ainda não tinham começado a acasalar. Os cientistas mostravam-lhes DVD de casais pandas no acto sexual e a ideia resultou num «baby boom». De acordo com os peritos o facto é «muito animador».

E prontos, não escrevi nada de jeito, neste pequeno pedaço de papel virtual, mas aprendi uma coisa: que o que funciona com os humanos também funciona com os animais!! :-)

E agora, vou ali jantar ao Colombo, e depois vou dar um pezinho de dança, nas minhas aulinhas para ver se amanha já acordo com mais imaginação.







quarta-feira, novembro 22, 2006

Heeeeeeeeeeeelp!!!!!!!!!!!!!

Hoje quando cheguei ao meu local de trabalho, descobri a pior coisa que uma mulher pode descobrir, e logo de manha!!!
Pois é lá em casa falta-me um objecto, que por aqui acaso até existe aqui (não me perguntem porquê): uma balança.
E eu que já andava desconfiada que tinha ganho peso, porque comecei a vestir as roupitas de inverno e já tinha dificuldade em apertar algumas calças e isso, hoje confirmei os meus maiores medos!
Engordei, quase 2 kilos!!! Ora eu que já tenho assim a modos que um bocadadito de peso a mais, e jurei a mim própria aqui há uns anitos atrás que não podia engordar nem mais uma grama, e agora isto!! Estou desesperada!!! Terá sido do bife da vazia com molhos de natas na janta dos blogguers?? Ou do copito de vinho verde?? Pois, deveria era ter comido o robalito grelhado..!!

Alguém, alguém tem que me dar a receita mágica para voltar ao antigamente!
Mina, filha, se apareceres por aqui e leres isto, dá-me lá o telefone daquela coisa em que te meteste e que faz milagres, que eu vou já lá hoje á tarde inscrever-me!! :-)))

terça-feira, novembro 21, 2006

Troca por troca.

Vi esta reportagem sobre este assunto (dar para além de receber,mais altruismo que egoismo ) numa revista (só reproduzo aqui um parte) que costumo ler e achei muito interessante vir a explorar com mais pormenor...

"Um site, uma base de dados, uma comunidade que se interajuda através da troca directa de bens e serviços. Chama-se Trocal, e temo-lo em Lisboa e no Porto, independentes mas em pleno funcionamento. E como se organiza este universo de que podemos ser parte para dar e receber? Cada um regista-se, lista o que sabe fazer ou tem para a troca, e sempre que precisa faz o apelo a todos ou a alguém em especial da base de dados que se coadune com o seu pedido, por e-mail ou por telefone. O sistema não implica o uso de dinheiro- é uma das permissas importantes."

Querem saber mais??
http://tlx.mahost.org

segunda-feira, novembro 20, 2006

Flores...

...pós dinner.

Pessoal, desculpem a minha ignorância (e má educação também), mas é que ouvi por aí que tinha sido um menino, um verdadeiro gentleman portanto, a oferecer as rosas ás ladies todas...
Talvez devido ao adiantado da hora (confesso que já algum tempo que não fazia uma noitada assim), e há emoção toda daquele diazinho (que isto de conhecer assim 20 e tal caritas novas de uma assentada, é uma expriência que ficará na história da minha existência), fiquei um cadinho a modos que atordada e recebi a rosita (até 2, obg menina Anne) mas não racicionei o que estava a acontecer...é parvoíce, mas é verdade.

Portanto gostaria que me elucidassem sobre quem foi o senhor tão simpático que practicou tal acção porque gostaria de lhe agradecer, ainda que há posteriori...
E lhe pedir desculpa por não o ter feito na altura...:-)

P.S. Tenho mais 2 ou 3 fotozinhas indiscretas para postar, mas infelizmente não o consigo fazer do local de trabalho, e como deixei lá hoje o cartão e amanha não vou, só as irei colocar na quarta feira...

So hold your horses with your curiosity and wait ....lol

Dinner.

Não vou fazer o relato por escrito porque o restante pessoal (que por acaso até tem jeitinho para estas coisas da eehhehhe), já o fez, e fez muito bem. Vou apenas dizer que gostei imenso, de conhecer os rostos por detrás das escritas que eu cusco diariamente, (e todos os que não cusco , também, obvimanente) que foi muito giro, que todos aqueles que não foram devem estar aí a roer-se de inbeja, porque nem sabem o que perderam.
Se não fosse por dois apartezinhos , o facto de ter apanhado um cadinho de frio quando saí da disco, e de hoje já andar a fugar novamente, e de nem sentir os pezitos de tanto me doerem quando cheguei ao carro, á conta dos pulitos na disco e da distância percorrida (ó pessoal, para a próxima alugamos uma camineta, andar faz bem, mas uma pessoa já é cota, não tem a vossa jubentude, e os pézitos não aguentam estas caminhadas imensas pela calçada portuguesa, de salto alto) :-))), a noite teria sido 5 estrelas...mas pronto, foi 4,999999...lol

Venha o próximo (jantar) ou nos entretantos mais encontros (ao Cid tb não vou até porque a essa hora, estarei a pular mas ao som de outros ritmos eheheeheh).

Ficam algumas fotos para mais tarde recordar...







Os ambientes

A fazer o trabalhinho que devia ter sido feito em casa hiihhihiihiih




O sorriso para a camara






E as piadas corriam soltas, foi só rir!





Ai, tã lindos que nós estamos!!! :-)

( to be continued...)

sexta-feira, novembro 17, 2006

Sinais de trânsito e acidentes!!




"A Câmara de Fuenlabrada, ao sul de Madrid, decidiu banir o machismo, aprovando uma lei que exige figuras femininas, de saia e de rabo-de-cavalo, em metade das placas."

In "Correio da Manha (17/11)"

Apetece-me dizer: viva eu, e vivam as ninas todas...!!

E homens...cuidado para não terem (ainda mais) acidentes!!!! :-))))

quinta-feira, novembro 16, 2006

O Milagre da Vida


Andava eu a fazer zapping (que sabe ainda melhor quando estamos em casa de "molho) na ultima terça feira á noite, entre um espirro, uma fungadela, e uma conversa no Msn (sim, que começo a ver que não tenho só um blog, a que tenho que dar a devida atenção todos os dias, mas sim, um blog e novos amiguitos no Msn, que "nasceram" do blog o que está a ser mtoooooooooooo giro lol), quando descobri um programa fabulástico no segundo canal, pelas 21.30. O canal 2, não nos brinda só com boas series, semanalmente, mas também com excelentes documentários, como este a que assisti.
A temática: a gravidez, o acompanhamento de várias mulheres grávidas , ao longo dos varios meses de gravidez e o momento do próprio parto. E agora dizem aqueles que me estão a ler, mas que tem isso de especial? É simplesmente mais um programa....mas não, não era. Porque nos mostrava em imagens tridemensionais, os várias transformações, que o feto vai sofrendo, como por exemplo o crescimento dos membros, a formação do cerebro, quando "nascia" o que faz com que tenhamos impressões digitais (perdoem-me a falta de termos técnicos) etc, etc...
Até nos explicava em que altura começava a mexer-se, a virar-se, a dar pontapés, e mostrava a mãe a andar e como se "comportava" ele lá dentro...extraordinário. Enfim, mostrava tudo, mas mesmo tudo o que vai acontecendo e como acontece.
Confesso que nunca tive o chamado "instinto maternal", nem nunca senti o relógio biológico a "dar horas"; adoro crianças, mas a ideia de ser mãe nunca me disse nada, é essa a realidade.
E como já tenho 35 anos, nasci muito tarde na vida da minha mãe, e nunca tive irmãos, sempre disse a mim mesma que ou teria até aos 35 anos ou então, nunca os teria, porque acreditem não existe coisa pior do que ter uns pais já com uma certa idade, e pensar que ficarei sozinha neste mundo talvez muito mais cedo do que a grande maioria das pessoas só porque já nasci "fora de horas"...
Mas voltando á ideia principal, apesar de pensar desta forma, confesso que fiquei deslumbrada, parva, tosca, com isto do nascimento da vida. Já vi e todos nós já vimos N programas semelhantes a este, mas continuo a sempre me surpreender, com esta situação maravilhosa que é o ser humano ter a capacidade de gerar vida.
Algo tão bem pensado, tão extraordinário, tão perfeito: sempre acreditei que existe algo superior a nós que nos "inventou", que "vela" por nós, que nos acode nos piores momentos, mas quando assisto a estes programas, que mostram com tanto detalhe aquilo que todos nós já fomos, essa ideia ainda sai mais reforçada.
Portanto, Obrigado , Deus, por nos teres "construido" tão bem!! :-)

terça-feira, novembro 14, 2006

É o bicho, é o bicho!

E espero sinceramente que não tenha vindo para me "devorar"...sim, porque chegou, começou a deslocar-se para a porta de saída, e depois deu meia volta e voltou atrás...
E com ele, regressou o a tosse irritativa, o nariz a pingar, a garganta que não dói mas faz uma impressão danada para se engolir...
E á conta disto, dormi pessimamente a noite que passou e até fui obrigada a me levantar e imagine-se, ir ao carro a meio da noite, no meio de um nevoeiro desgraçado, buscar as pastilhas para a garganta que lá tinham ficado esquecidas ...
É o que dá viver numa casa sozinha, sem ninguém para cuidar de nós, quando estamos doentitos (buáaaaaaaa...hoje estou carente lol).


Mas para alegrar o meu espirito, (sim que o fisico está de rastos) li á pouco uma piadinha que passo a reproduzir...
(Homens, que o sejam na realidade, perdoem-me lol)

O que está por detrás de um homem inteligente???
Uma mulher pasmada!!!


P.S. Já sei que a Anokas se passar por aqui, vai dizer "ah, pois e tal, aquela anda a copiar-me as piadas do blog"...:-)))

Mas não é nada disso...lol.

segunda-feira, novembro 13, 2006

Depois da tempestade...

...será que vem a bonança...??
Espero bem que sim!

Depois de um final de semana do piorio, em que só vi a luz do Sol através do vidro da sala, e castanhas nem cheirá-las ( e eu que gosto tanto delas), depois do bicho me atacar com força, me trazer dores de cabeça, espirros, febre, dores pelo corpo, e até imaginem, tonturas e vómitos (estou mesmo a ficar velha), depois de tudo isto, e de ter chegado aqui hoje e ter trabalho até ás orelhas, lá arranjei um tempinho agora para vir aqui pôr o blog em dia...
É que nem pachorra tive para andar na Net, estes últimos dias, e isto só me acontece mesmo quando estou doente...

Mas pronto, hoje já estou melhor, e decidi responder ao desafio do amigo virtual Luís, http://espacomil999.blogspot.com/:
"Cada bloguista participante tem de enunciar 5 manias suas, hábitos muito pessoais que os diferenciem do comum dos mortais. E além de dar ao público conhecimento dessas particularidades, tem de escolher 5 outros bloguistas para entrarem, igualmente, no jogo, não se esquecendo de deixar nos respectivos blogues aviso do "recrutamento". Ademais, cada participante deve reproduzir este "regulamento" no seu blogue"
Portanto, cá vai:
As minhas manias, tem a ver essencialemnte com o acto "dormir"...:-)
- Tenho a mania de nunca dormir completamente na obscuridade, não consigo adormecer se não tiver um luzinha, seja da Lua , do candieiro da rua, do despertador, seja do que for.
É como se os meus olhos tivessem que ter um ponto por onde se possam guiar, um ponto de referência, para quando acordo de noite, não ter a sensação que estou/sou "cega"...
( isto não é assim tão estapafurdio como isso, porque já me foi dito que um médico que é normal)
- Tenho a mania de nunca adormecer para o lado que estou deitada na cama: se me viro para o lado direito, já sei que vou ter que me virar para o esquerdo, para adormecer...
- Tenho a mania de andar sempre comer batatas fritas de pacote, é um vicio mesmo, a parvoíce chega ao ponto de me levantar de manha e antes de tomar o pequeno almoço, em jejum já estou a mastigar um batatita: sei que não é saudável e tenho que acabar com isto...
- Adoro lêr revistas e jornais e tenho a mania de as comprar ás toneladas: é claro que não consigo de maneira nenhuma as ler todas em seu devido tempo, e acabo por gastar imenso dinheiro de forma desnecessária (diz quem me conhece).
E por fim...
_ A mania de ir sempre adiando tudo (o que penso será comum a quase todos os portugueses):
Digo a mim própria que faço determinada coisa em determinado dia, e nunca faço e depois quando se está a proximar a data, ando maluca, completamente stressada e a maldizer a minha pessoa , porque com esta idade já devia ter mudado e ter juízo...:-)
E aqui ficam algumas das minhas carateristicas, (mais "loucas"...:-) enquanto pessoa
Não vou respeitar o regulamento na sua totalidade (sorry, Luís) porque não tenho andando a cuscar nos ultimos dias os blogues dos ninos e das ninas, e não sei quem já respondeu e quem não respondeu...
Mas convido desde já todos aqueles que que me costumam "ler", e que ainda não participaram, a deixarem nos respectivos blogs as suas maniazinhas, para o pessoal os ir conhecendo melhor...

quinta-feira, novembro 09, 2006

Hevia - El garrotín

E porque hoje (referia-me a quarta feira, obviamente,) esteve Sol (até que enfim, Sr. Sol que resolveu dar o ar da sua graça), decidi viajar até ao Mundo da musica celta de que tanto gosto...
Pensei em ir até á Irlanda, mas como é uma bocadinho fora de mão, fiquei mesmo por Espanha, pela verde provincia das Astúrias...:-)

terça-feira, novembro 07, 2006

Noticia de última hora - Tv Cabo.

Esta noticia é para todos aqueles que são papa-series, como eu.:-)
Não, a Tv Cabo não acabou nem eu fui apanhada com nenhum equipamento ilegal, aqui a caixinha funciona bem e faz-me sair da carteira uma belos euritos ao final do mês.
Mas se forem tão distraidos como eu, ainda não repararam que os canais do Funtastic Live (onde há canaiszinhos interessantes como a Fox a transmitir o Dr. House, o Lost, etc, etc) está a funcionar em sinal aberto até ao próximo dia 15 de Novembro (isto para aqueles que tem a caixinha milagrosa).

Portanto, agora é que ninguém me tira do sofá( o que vale é que o jantarito é dia 18, lol).

Vou ali acabar de ver o Dr. House e já venho...

Os verdadeiros amigos são anjos.


Os verdadeiros amigos são anjos!
Descobri essa irrefutável verdade ao perceber o quanto são raras essas preciosidades que chegam de repente na vida da gente e se alojam devagarzinho em local especial e essencial da nossa existência.No decorrer dos anos, encontramos vários tipos de anjos...
Alguns são sonsos, vão se apoderando do nosso carinho como quem não quer nada, até que, quando percebemos, já lhes dedicamos nosso afeto integral...
Outros são mais atirados; já chegam mostrando claramente com seus olhos sinceros o quanto nossa amizade é importante para eles...
Alguns chegam necessitando de curativos nos ferimentos causados por amigos que não eram anjos...
Outros chegam para sarar nossos próprios ferimentos...
Alguns são leves e divertidos; nos mostram a alegria da vida...
Outros, não menos honestos, nos mostram a seriedade com que a vida deve ser enfrentada...
Alguns têm suas qualidades tão à mostra, que a um primeiro olhar já sabemos a que vieram...
Outros têm essas mesmas qualidades muito bem guardadas e precisamos ir desvendando-as aos poucos...
Alguns esbarram na gente numa esquina qualquer, sem avisar e nos dão carinhos reais, sorrisos reais, proteção real....
Outros chegam através da telinha de um micro, nos sorrindo de longe, sem rosto, sem forma, sem voz, massão igualmente anjos... seus carinhos são telepáticos, mas conseguem nos perceber tristes ou alegres através da fria máquina e nos fazer sentir abraçado, acarinhado, querido...
Uns não são melhores nem piores que os outros; são apenas diferentes, com suas qualidades que devemos salientar, com seus defeitos que devemos enfrentar (pois quando gostamos temos compromisso de sermos fiéis até aos defeitos do nosso anjo).
O importante é tentarmos, ao longo das nossas vidas, termos sempre algum anjo com o qual possamos contarnas horas difíceis pra nos dar alento e nas horas alegres pra rir com a gente, rir da gente, da vida.
Enfim...
O importante é termos Anjos...
O importante é sermos Anjos...
(autor desconhecido)
Gostei da analogia, logo decidi partilhar...:-)

segunda-feira, novembro 06, 2006

Huuuummmm...

Nas minhas andanças diárias pelos blogs conhecidos e pelos desconhecidos também que sou uma grande cusca, deparei-me com a seguinte constatação: existem muito mais blogs de mulheres do que homens, deve ser 90% de blogs femininos e 10% de masculinos...

E como gosto de decifrar o mundo, e as pessoinhas que o habitam (é a minha veia de psicológa a palpitar), dei por mim a interrogar-me sobre tal fenomeno do ciberespaço.

Será porque:
- as mulheres são muito mais tagarelas??
- Porque tem mais facilidade em expor os seus sentimentos??
Ou por outras razões que agora não me ocorrem...??

Vá, pessoal femininino e masculino, manifestem-se e satisfaçam a minha curiosidade...:-)

sábado, novembro 04, 2006

Regresso á infância.


Afinal ainda se pode assistir a bons filmes na TV, apesar de eu estar a falar no canal da Tv Cabo , Premium, a que nem todos em acesso.

E por vezes filmes como o que vi este serão, de animação, ainda são melhores do que os "de carne e osso", porque os personagens são muito realistas, porque o sincronismo das vozes com o movimento está muito bem feito, e porque as historias "tocam" ao coração...

Pois é hoje fartei-me de rir com http://www.imdb.com/title/tt0351283/, há uns anitos atrás chorei com http://www.imdb.com/title/tt0110357/, e entre os dois , emocionei-me e decorei toda a banda sonora deste http://www.imdb.com/title/tt0166813/.

Enfim, não tenho vergonha de dizer que adoro filmes de animação, quando bem realizados, e que gosto de me sentir como uma verdadeira criança que vai até ao cinema ver o seu filme de animação preferido e fica toda animada....

Ás tantas, sou mesmo ainda uma criança, só que uma criança grande...:-)

E é tão bom...:-)

sexta-feira, novembro 03, 2006

Resmunguiçes.


Pois, de volta, mas continuo aborrecida, afinal já tenho o Pc em casa, mas perdi tudo assim de repente o que lá tinha, e tinha lá muita coisa importante, algumas das coisas não as tinha em mais lado nenhum, como algumas fotografias digitais.
Sou um bocadinho preguiçosa, nesta coisa de fazer backups com frequência, e depois acontece um azar destes e pimba, perde-se tudo, o que é muito desgradável.
Os computadores são máquinazinhas muito eficientes e inteligentes, até se portarem mal...grrrrrrrrr.

Para além disso, continua a chover e eu que queria ir labuzar-me para o Festival de Chocolate, assim, não dá; e também confesso que não está a apetecer-me pagar 5 euros, agora ao final de semana, quando de semana se paga apenas 3!! Até se paga para uma pessoa se lambuzar e não é assim tão pouco, se a isso juntarmos o valor da gasolina do carro e mais o jantarito, sim que depois uma pessoa cansa-se de tanto comer chocolate, e depois dá a fome de comida a sério e pimba, lá se faz o esforçito de se jantar...:-))

Irra, que neste país, paga-se para tudo e bem!!

quinta-feira, novembro 02, 2006

Pc Out.

Estou aborrecida...chove imenso lá fora, tirei estes dois dias de férias, (hoje e amanhã) e estou sem computador porque teve que ser formatado, logo impossibilitada de blogar em condições, já que estou a escrever isto, mas aqui da biblioteca da minha zona, o que não dá jeitinho nenhum...grrrrrrrrr.

Portanto, regressei quando puder...

P.S. Não coisa pior nos dias que correm, que ficarmos assim, sem acesso ao mundo virtual, de repente...que bicío!!! :-)))

segunda-feira, outubro 30, 2006

Queimando o lixo.

Não permita que coisas sujas do passado poluam o seu presente. Depois de lacrar um saco de lixo você o reabre para rever o que há lá dentro? Geralmente só remexemos o lixo se algo de valioso tiver sido perdido. Isso, porque lidamos com a hipótese de o termos lançado fora sem querer. Se não é esse o caso, o que tiver ido para o lixo nós não mais veremos e sequer lembraremos de tudo que está ensacado e pronto para sair de nossa casa. Se esse saco ficar conosco ainda por alguns dias, e nós o reabrirmos por qualquer motivo, o cheiro estará insuportável, micróbios existirão aos montes e nossa saúde poderá estar sendo severamente ameaçada. O mesmo acontece quando guardamos e remexemos tudo o que de ruim já passou por nossa vida. Sempre que deixamos que nossa mente se perca em más lembranças, nós estamos reabrindo um "saco de lixo". É bem provável que esteja aí a causa de muitas doenças físicas e mentais. Volte um pouquinho seus pensamentos para aqueles que já lhe fizeram algum mal e veja como você se sente. Reveja as mágoas, os ressentimentos, as raivas, os desapontamentos, as desilusões, as decepções e pense no "cheiro" que tudo isso tem. É assim que você remexe os lixos guardados dentro de si. Há quanto tempo eles estão guardados aí? Por quanto tempo você ainda os guardará? Pergunte-se: Para quê me serve toda essa sujeira? Observe honestamente a resposta. Sujeira atrai mais sujeira, lixo atrai mais lixo, lembranças nocivas atraem miséria material, física e espiritual. É isso que você deseja para si mesmo? Coloque seus pés no limpo chão do presente: ele é o caminho para um limpo e feliz futuro. Agarre-se às suas metas, busque realizar os seus sonhos, guarde os tesouros já recebidos. Você só merece ser feliz. Por uma vida mais digna, por um futuro melhor, jogue o que é lixo no lixo.
E QUEIME O LIXO!
©Silvia Schmidt



sábado, outubro 28, 2006

Estou...

...sem inspiração para escrita, hoje...

Portanto...

Enquanto ele faz as pipocas, eu continuo a ver "O Samurai", com um Tom Cruise, lindo lindo de morrer (e a história também vale a pena, estava a esquecer-me desse pikeno pormenor :-))))

Há uns monstros , mas são pequeninos...:-))

quarta-feira, outubro 25, 2006

Razão e emoção.


Hoje enquanto "navegava" pela Internet, eis que dou com esta noticia...


O cérebro humano enfrenta um conflito permanente entre seu centro de emoção, que procura a satisfação imediata, e a zona da razão, que privilegia os objetivos a longo prazo, revela uma pesquisa publicada pela revista americana "Science".

Os pesquisadores de quatro universidades, entre elas Harvard e Carnegie Mellon, descobriram que duas áreas do cérebro disputam permanentemente o controle do comportamento de uma pessoa avaliando as decisões entre a satisfação imediata e os objetivos a longo prazo.


"Esta pesquisa, como as precedentes, mostra que raramente agimos apenas por um impulso", destacou Jonathan Cohen, professor da Universidade de Pittsburgh (Pensilvânia).

"Temos diferentes sistemas neurológicos que entram em ação para resolver diversos tipos de problemas e o nosso comportamento é ditado pela competição ou cooperação entre eles".


Então, está explicado:

- O porquê de ás vezes já ter visto dois diabinhos muito pequeninos, um de cada lado dos meus ombros (visiveis para mim, mas invisiveis para todos as outras pessoas):

Um (o mais sensato) a dizer-me: "vá, faz isso que tens que fazer, que é a atitude mais acertada, porque se fores por outro caminho, depois te vais arrepender, não hesites"; e depois o outro diabinho (o manhoso) mumura quase em simultâneo " que se lixe, segue o teu coraçao, deixa-te de tretas de manuais de algibeira, e faz o que realmente te apetece"...

Em relação á coisa do impulso, e falando por mim, pessoalmente ( e prontos, lá vem o signo outra vez) raramente tomo uma decisão pelo menos que seja importante assim "de chofre", e acho que devo continuar a agir/ser assim, uma menina muito coerente e ponderada.
Isto porque da ultima vez que o fiz (que me deixei levar por essa coisas matreira chamada "impulsividade"), o resultado que deu é que passados uns anitos, ainda não se se fiz bem ou mal, ainda continuo na dúvida...e não é por nada, apenas foi uma decisão que mudou a minha vida toda!!

Portanto, suupeito que estes conflitos no meu cerébro ainda me vão dar muito que fazer...(e muitos neurónios queimados de tanto pensar).

:-)

terça-feira, outubro 24, 2006

Alentejo.

E porque chove imenso, e já tenho saudades de dias solarengos...

E porque adoro passear (quanto mais não seja "lá fora, cá dentro")...

E porque costumo aliar ao passeio um dos outros passatempos que é a fotografia...

E porque o Alentejo não é só planicies e boa comida...


Cá ficam algumas das minhas fotos em algumas partes deste pedaço de Portugal...














Candidaturas aceitam-se!!

Estes quizzes são muuuuuuuito interessantes.


Capricorn Friendship Profile
If a Capricorn thinks you can't do anything for them, it may be difficult to break into their inner circle. If, however, you've managed to work your way up the corporate ladder or have something to offer, the Goat will embrace you for life. Expect yours to be a structured friendship. If you make plans, your Capricorn buddy will schedule an itinerary for you, and you had better be on time and ready to go along with the plan. At times, the Goat may seem to you more like a parent figure than a friend. They might think they have all the answers and will try to impress you with the extent of their knowledge on any subject they think will help you. If you have impeccable manners, are successful in your own right and manage to win the affections of Capricorn, you will find that you have earned an extremely devoted friend who will be kind to you no matter what happens in your life. Don't be alarmed if they test your loyalty over and over again. A Capricorn who has once had their trust betrayed, by anyone, takes a long time to heal.
E então, quem é que quer ser meu amiguinho/a??? :-))))
Candidaturas aceitam-se!

segunda-feira, outubro 23, 2006

Foto do dia.



Que ar tão sério! Um sorriso ficava mais natural...

Estado de espirito.


Hoje acordei assim...






Sem vontade de vir trabalhar, sem pachorra nenhuma para escolher a roupa ( e que neura com este tempo, que um dia está calor outro está frio), a doer-me algumas partes do corpo, com sono, sem vontade nehuma de ter que encarar uma segunda cirular a abarrotar, só porque chove...

Ás vezes tenho saudades do tempo em que me sentava no carro, e alguém conduzia por mim, do tempo em que perguntavam constantemente como me sentia quando me sentia menos bem...

Ás vezes por breves instantes questiono decisões tomadas há un anos atrás...

Enfim..são dias...

quinta-feira, outubro 19, 2006

Zzzzzzzzzzzzzzz.

"O teu futuro depende dos teus sonhos.
Não percas tempo.
Vai dormir!!!"

quarta-feira, outubro 18, 2006

Sugestão musical...


...para dias chuvosos e não só.
Se há coisa de que gosto é de ouvir musica, principalmente em altos berros em casa ou no carro...
Eu sei, eu sei que é uma mania parva, porque em casa vivo num Rc e portanto o pessoal de vez em quando lá se queixa e no carro ainda é pior, porque deixo de ouvir completamente o que se passa no exterior, e ainda corro o risco um dia destes de ser "passada a ferro" por um qualquer camião TIR e nem dou por nada...:-)
Mas são pancas, que fazer??
Gosto de todos os tipos de musica com expepção de jazz, mas desde que começei com as minhas danças de salão, e descobri a Salsa, e os ritmos latinos, fiquei de vez viciada...
E os ritmos latinos fizeram com que começasse a ouvir mais "Musica do Mundo", uma coisa fabulosa, porque através deste tipo de música somos "transportados" por breves minutos para (quase) todos os cantinhos do nosso mundo...
E acreditem que é muito agradadável estar numa imensa fila de transito, nestes dias chuvosos na Segunda Circular por exemplo, fechar os olhos e imaginar-me no meio do Rio de Janeiro, ou numa qualquer praia das Caraíbas, enquanto oiço uma salsas, samba, uns merengues, umas kizombas e por aí adiante...
Até tenho vontade de começar a abanar o esqueleto e tudo, mas isso já não dá tanto jeito..
Fica a sugestão, "descobrir" o mundo através das suas sonoridades...(neste momento ando a ouvir "French Caribbean" e recomendo vivamente)
Quem quiser comprar:www.putumayo.com
Para os que quiserem economizar uns euritos e "viajarem" na mesma, façam como eu, increvam-se numa qualquer biblioteca municipal, aqui de Lisboa, porque existem N cd's deste tipo de música (tenho um post mais antigo que fala como poder usufruir do que estas bibliotecas "oferecem").
E boas viagens musicais...;-)

terça-feira, outubro 17, 2006

Serão neurótico.


Pior do que chegar todos os dias a casa depois do regresso do emprego, e não ter ninguém á nossa espera, nem sequer um bichito de estimação , é para além disso isso ter tarefas domésticas á nossa espera e tudo correr mal...
Desde o frigorifico que está cheio de gelo, cuja porta do congelador não fecha, e quando aqui chego, vejo água em metade do chão da cozinha, á máquina de lavar que em vez de lavar a roupa, decidiu portar-se mal e lavar foi o restante chão da cozinha (começou a deitar água por varios lados, por onde não é suposto sair água), não sei que mais irá me acontecer...

Ufaaaaaa!!!!

Só agora me consegui sentar (á hora supostamente que já deveria era estar a pensar em ir dormir) e ver um Dvd de um concerto que tenho que entregar amanha na biblioteca sem falta, portanto tenho mesmo que o ver hoje, nem que adormeça aqui á frente da Tv; tenho que começar a acabar com este hábito de deixar tudo para a última hora.

Vida de dona de casa , a viver sozinha , é doseeeeeeee!!

Interpretações poéticas (Camões).

Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer"

A Análise do poema de uma aluna de 16 anos da Escola C+S da Rinchoa
foi a seguinte:

Ah Camões!

Se vivesses hoje em dia
Tomavas uns anti-piréticos
Uns quantos analgésicos
E Xanax ou Prozac para a depressão
Compravas um computador
Consultavas a página do Murcon
E descobririas
Que essas dores que sentias
Esses calores que te abrasavam
Essas mudanças de humor repentinas
Esses desatinos sem nexo
Não eram feridas de amor
Mas somente falta de sexo.
E ainda dizem que as crianças são inocentes...:-)
The Evolution Of Beauty

Não existem mulheres feias. Existem apenas aquelas que não sabem como ser atraentes.
Christian Dior

segunda-feira, outubro 16, 2006

Estado de espirito.


Um dia de chuva...

Uma musica...

Uma recordação...


"I've Cried Enough"- Lara Fabian

All of my tears have been frozen
After these years in this pain
My heart has finally chosen
To beat a bit faster again
Now I feel the awakening
I don't look back anymore
I am mysteriously standing on the good side of my soul
All I recall is the moment
Sadness is fading away
It is for passion I'm falling but now I'm back on my feet again
I wanna rewrite the story
Not even what seemed insane
How could I ever feel sorry for being stronger than I am?
I've cried enough
Over the priceless time I've lost
I've learned the going gets too tough
Now you regret love
I've cried enough
What you'll see on my face again
Is nothing but the rain
I've cried enough
Why would I try to deny it?
Most of my dreams are a mess
But what didn't kill me in fact has taught me
Life's a big game of test
Although in I believe in the future
I keep in mind all the pastNow that I live in the present
I don't care about the rest

I've cried enough
Over the priceless time I've lost
I've learn the going gets too tough
Now you regret love
I've cried enough
What you'll see on my face again
Is nothing but the rain
I've cried enough

I've cried enough
What you'll see on my face again
Is nothing but the rain
I've cried enough

Estado da Nação.


Não gosto de politica, não me interessa o que o Srs. discutem na Assembleia de vez em quando, e já há muitos anos, que não me dou ao trabalho de sair de casa em dias de votação...
Mas quando aparecem noticias como esta, começo a pensar em assuntos que não me apetece minimamente pensar, e começa assim a modos que a nascer em mim um sentimento de raiva miudinha, revolta, e sei lá que mais...
Pinho incómodo no Governo

Vários membros do Governo ficaram surpreendidos com o anúncio do fim da crise da economia portuguesa por parte do ministro da Economia e da Inovação na passada sexta-feira. Segundo apurou o CM, o próprio primeiro-ministro, José Sócrates, terá ficado desagradado com as declarações de Manuel Pinho, não porque não sejam verdadeiras (a economia efectivamente está a crescer) mas porque foram desajustadas ao momento político.

Fonte governamental disse ao CM que as declarações de Manuel Pinho, proferidas numa altura em que ainda decorrem negociações com os sindicatos, fragilizaram a posição do Governo. De facto, quando o Governo reafirma que que só pode aumentar, por exemplo, o subsídio de refeição dos funcionários públicos em seis cêntimos, os sindicatos respondem: “Mas a crise não acabou?” Deste modo, o anúncio de Manuel Pinho “tira o tapete ao Governo nas negociações”, comenta a mesma fonte.No sábado, o ministro da Economia viu-se obrigado a vir a público explicar as suas declarações, dizendo, tal como noticiou ontem o CM, que não queria anunciar o fim da crise, “porque o fim da crise não se decreta, porque isso era algo infantil e de quem não percebe nada de economia”. Manuel Pinho explicou que o que queria era dar uma palavra de esperança para os portugueses, para os empresários, os trabalhadores, professores e jovens”.Seja como for, a verdade é que o incómodo no Governo ficou e, ainda por cima, já não é a primeira vez que Manuel Pinho protagoniza situações de contestação.Geralmente, quando um ministro está a ser alvo de contestação, José Sócrates dá força a esse ministro, como foi, por exemplo, o caso do ministro da Justiça, Alberto Costa, e, agora, a ministra da Educação. Tal ainda não aconteceu com Manuel Pinho. Talvez porque seja o próprio ministro a originar as situações.
Algumas questões se me levantam:
- Se há não crise, Sr. Ministro, porque é que o local onde trabalho vai ser extinto?
- Porque é que vou pagar para estar numa cama de Hospital, doente e deprimida, como se estivesse a pagar a estada num Hotel?
- Porque é que vou ter que começar a descontar mais para a Adse?
_ Porque é que fui este final de semana dar um passeio ao Alentejo, e gsatei 30 euros de gasolina, enquanto aqui há poucos anos atrás gastava 20 euros??
Enfim, e poderia estar aqui a levantar questões, até se me acabarem os carateres.
Quanto ao sr. Ministro ser incomodo ao proprio governo, só me ocorre dizer que é o desgoverno total!!!!
Organizem-se!

Tempos modernos.

Andava eu hoje aqui a "navegar" quando dou com esta noticia...

Utilizar a internet para pesquisar informações para trabalhos escolares e académicos é prática habitual nos estudantes portugueses e até é incentivada pelos professores. O problema começa quando os alunos passam o limite da pesquisa e copiam trabalhos inteiros.
Segundo a agência Reuters, 37 por cento dos universitários norte-americanos admite ter copiado partes de trabalhos da internet e 77 por cento dos alunos considera que isso não é um assunto sério.
Por cá, a realidade não é diferente e o plágio começa logo nos estudantes mais novos. Anabela tem 19 e já frequenta a universidade, mas admite que terminou o secundário «sem nunca ter lido Os Maias», apesar de a obra ser de leitura obrigatória. O motivo foi mesmo «preguiça». «O livro tem tantas páginas que não dá vontade de ler», conta a estudante.
Anabela explicou ao PortugalDiário que começou por ler «o resumo da obra na internet», depois, quando o professor pediu à turma um trabalho de análise da obra, recorreu novamente às novas tecnologias. Durante a pesquisa «tropecei num fórum onde os alunos disponibilizavam os trabalhos escolares e havia lá um trabalho sobre Os Maias», contou a jovem que admitiu que «a tentação foi grande demais».
Anabela, que vive no Porto, acabou por entregar um trabalho realizado por um aluno do Algarve e até ficou contente com a nota. «Tive 13 e só demorei 10 minutos a fazer a pesquisa e o download. E o professor nunca soube que não fui eu a fazer», admitiu, ligeiramente envergonhada.
«Nem imaginam quantos sites há sobre os sonetos de Camões»
Patrícia tem 15 anos e passa várias horas por dia online. «Quando chego da escola, ligo-me logo (à internet), para falar com os amigos», contou. E os trabalhos de casa? Esses são feitos ao mesmo tempo, muitos até com recurso à internet.
Garante que nunca copiou um trabalho inteiro, mas admite que copia parágrafos inteiros. Quando se trata de «trabalhos de História, Geografia, ou disciplinas assim», considera que não se trata de copiar e diz que é «pesquisa», mesmo quando copia «partes grandes» do trabalho.
A estudante só admite fazer «batota» quando se trata de textos de análise. E dá um exemplo: «A minha professora de português pediu para identificarmos as figuras de estilo de um soneto de Camões. Fui à internet e estava o poema com as figuras de estilo todas. Depois de encontrar, não ia fechar o site», disse Patrícia. «Nem imaginam quantos sites há sobre os sonetos de Camões. É quase impossível não encontrar», afirmou, em jeito de justificação.
Realmente na Internet encontra-se mesmo tudo, á "mão de semear"...que pena eu ter nascido uns anitos atrasada em relação ao aprecimento do mundo virtual e quando andava a estudar, ter que estudar mesmo, uma injustiça portanto, comparado com os miudos de agora...eheheh

sexta-feira, outubro 13, 2006

A cozinha mais pequena do mundo.



Haverá por aqui alguma alminha caridosa que me queira oferecer um brinquedo destes..?

Bimby revolucionou por completo o trabalho na cozinha.Esta ajudante de cozinha, imbatível, doze vezes patenteada, inovadora e sem rival, combina numa só máquina funções de dez processadoras.A Bimby tem capacidade para fazer quase tudo a uma velocidade inacreditável.Pica, rala, corta, bate, amassa, moe, tritura, pesa, emulsiona e cozinha! E......até cozinha a vapor e lava-se sózinha.O seu manuseamento fácil e rápido torna-a
o parceiro essencial na cozinha.
Gostei da parte "lava-se sozinha"...e ser "o meu parceiro essencial".
É certo que é só na cozinha, mas que interessa isso?? :-) Também não se pode querer tudo...

Será que fala, também...??

quinta-feira, outubro 12, 2006

Pensamento do dia.

E esta , heim??

Quando Maomé não pode ir áo ginásio, o Ginásio vai a Maomé. E quando Maomé vai de férias? Leva consigo o Travel Trainer. Num saco de 50 cm cabe a apoteose de um ano inteiro: uma bola de fitness, um tapete de exercicio e um conjunto de elásticos profissionais. Parece pouco , mas dá para muito. É uma especie de personal trainer portátil, com a vantagem de não termos de meter conversa...

Para quem estiver interessado:
www.travtrainer.com

Futuro profissional.


Hoje, da parte da parte espera-me uma tarefa algo ingrata, que é participar na manifestação organizada pelos Sindicatos da Função Pública...

Razão: incerteza quanto ao meu futuro, afinal trabalho num Laborátorio de Estado que é previsto ser extinto ou reestruturado, ninguém sabe muito bem o que tudo isto quer dizer em termos prácticos...

Portanto neste momento, vivemos aqui todos na ignorância quanto ao futuro, não sabemos que vamos todos para casa, se vamos todos trabalhar num outro local; no local onde trbalho somos somente umas 800 pessoas!! É o Governo que temos...!

É certo que muitos funcionários públicos, não fazem nada onde estão, estão a mais, e não farão falta ao sistema...mas daí a sermos 90.000, como ouvi num outro dia num canal televisivo...!!!!

Será que iremos todos (funcionários públicos) acabar assim??

quarta-feira, outubro 11, 2006

O Teatro da vida.

Dizem que havia um cego sentado um dia na calçada em Paris, com um boné a seus pés e um pedaço de madeira que,escrito com giz branco, dizia:

"Por favor, ajude-me, sou cego".

Um publicitário, da área de criação, que passava em frente a ele, parou e viu umas poucas de moedas no boné. Sem pedir licença, pegou no cartaz, virou-o, pegou no giz e escreveu outro anúncio. Voltou a colocar o pedaço de madeira aos pés do cego e foi-se embora. Pela tarde, o publicitário voltou a passar em frente ao cego que pedia esmola. Agora, o seu boné estava cheio de notas e moedas. O cego reconheceu as pisadas e lhe perguntou se havia sido ele quem reescreveu seu cartaz, sobretudo querendo saber o que havia escrito ali.

O publicitário respondeu:
"Nada que não esteja de acordo com o seu anúncio, mas com outras palavras".
Sorriu e continuou seu caminho.

O cego nunca soube, mas seu novo cartaz dizia:
"Hoje é Primavera em Paris, e eu não posso vê-la".


Mudar a estratégia quando nada nos acontece... pode trazer novas perspectivas.

"A VIDA É UMA PEÇA DE TEATRO QUE NÃO PERMITE ENSAIOS.POR ISSO, CANTE, CHORE, DANCE, RIA E VIVA INTENSAMENTE ANTES QUE ACORTINA SE FECHE E A PEÇA TERMINE SEM APLAUSOS."(Charlie Chaplin)

Questões pertinentes.

Tenho andando a colocar uns "posts", bastante light, que me fazem rir por vezes e que que também fazem sorrir as almas simpáticas que por aqui passam e que tem a pachorra para ler as minha parvoices (algumas vezes), mas hoje estou a sentir a necessidade de falar de algo bastante serio e triste , mesmo...
Ontem assisti a uma entrevista na Sic Noticias , entrevista essa que já era a repetição do dia anterior que passou no Jornal da Noite de Segunda-Feira, por isso algumas pessoas devem ter assistido.

O tema: a Eutanasia...

A entrevista despertou-me varios sentimentos: primeiro uma compaixão enorme , afinal estamos a falar de alguém que tem apenas 50 anos e está a morrer com uma doença terminal. Depois uma admiração enorme pela aquela pesssoa, que estava ali, a demonstrar uma coragem, uma calma, um resignação a algo que é imutável (o fim da vida), mas que de facto deve ser muito, muito complicado, saber a verdade, e aceitá-la, assim...enfim, nem me ocorrem mais palavras.

Depois, surgiram-me alguns sentimentos menos bons...a raiva, a impotência, perante as palavras dos outros (ou pelo menos de alguns) em relação ao assunto da Eutanasia...

Há coisas que me revoltam, que me fazem indignar, que me causam um nervoso que por vezes não tem nada de miudinho. Revolta-me a hipocrisia, revolta-me o ouvir tanta conversa em ralação a assunto que não deveria ser polémico, que já deveria estar resolvido há muito tempo, revolta-me a incapacidade das pessoas de se colocarem nem que seja por um misero segundo na pele dos outros...

Respeito a opinião dos outros em relação a tudo, ou quase, porque acho que em relação a este assunto da Eutanasia e também ao do Aborto, não deveriam existir N opiniões...
As coisas são como são, e se são como são, como é que se entende tanta discussão sobre os assuntos...??

Não decidimos quando nascemos nem se queremos nascer, mas com toda a certeza e porque o corpo só a nós nos pertence, deveriamos poder decidir se queremos ou como queremos morrer, assim como deveriamos poder ser livres para decidir se queremos ou não interromper uma gravidez.

Como podem os outros, que nunca assitiram a um familar ou amigo a morrer aos bocados, a degradar-se aos poucos, a sofrer e não querer sofrer, que nunca tiveram que levar uma gravidez para a frente, sem quererem ou por questões económicas, ou por outras, como podem essas pessoas falarem, emitirem opiniões, decidirem pela vida dos outros?

A vida é nossa, o corpo é nosso, e não consigo aceitar ou compreender como se continua a manter tanta discussão sobre estes assuntos, sem se chegar á unica conclusão possivel: cada um tem o direito de fazer da sua vida o que me entender!!

E pronto, era mesmo isto...tenho dito!!

A «Super-Mulher» do séc. XXI

Acabei de ler isto no "PortugalDiario...

"Uma nova mulher surgiu na viragem do século. As suas prioridades são diferentes: dinheiro, sucesso, poder. Só depois vêm o amor e a constituição de uma família. Sai de casa dos pais para viver sozinha, investe na carreira e tem o primeiro filho depois dos 30 anos. Estas são algumas das conclusão do estudo «O que as Mulheres Querem», realizado pela agência de publicidade Publicis, apresentado esta terça-feira. A mulher do século XXI é a «Super-Mulher». «Isto não quer dizer que queira fazer tudo ao mesmo tempo. Mas quer atingir a perfeição naquilo que se propõe fazer», explica Susana Medeiros, directora de planeamento estratégico da Publicis. Mesmo assim, consegue gerir com êxito carreira, filhos e as tarefas domésticas. A mulher moderna é ambiciosa, auto confiante, individualista e intuitiva. Na vida profissional, ambiciona os lugares de topo e de responsabilidade, disputando-os com os homens. E sem sentimentos de culpa."

Ora, ora, acabei de descobrir varias coisas: que só tenho qualidades, provalmente até voo (huuuuummmm, já não preciso de levar o meu Honda a cheirar as águas um bocadito mal cheirosas de Veneza), e que deve existir por aí um Superman, há esquina de qualquer rua á minha espreita...

Hoje vou adormecer muito mais feliz!!




terça-feira, outubro 10, 2006

Gostos.

E porque hoje o sono não chega, e porque estou cada vez mais "biciada" nesta coisa dos blogs (e claro, adoro o meu..eheheh), cá vai uma musiquinha que aprecio particularmente, dum grupo de que gosto muito na generalidade...

Para "embalar" o vosso dia de trabalho (qd alguém e se alguém vier a ler isto, já será de dia) e os os meus sonhos (sim, que tenho que largar o "bicio" e ir mais é, ver se durmo...


Runaway
By The Corrs
BestVideoCodes.com

segunda-feira, outubro 09, 2006

Devaneio nocturno.


Esta é para as meninas; e para (alguns) meninos, eventualmente...ehehe


Eu sei, eu sei, que já passei a fase dos posters na paredes, sou uma mulher adulta, devia ter juizo e colocar aqui no blog, divagações profundas e isso, mas que me perdoem, foi mais forte do que eu!!!! ;-))))

Agora já percebi o porque de esta serie ter tido tanto sucesso até agora...(just kidding, tem imenso conteúdo e já vi a serie toda, e é de facto uma grande história)



and sweet dreams.

Hoje só me apetecia...




...e parar num qualquer país europeu, numa cidadezinha como Veneza, ou Praga, ou Paris (que saudade tenho eu de Paris!!) enfim...

Ando com uma vontade de grande de sair daqui, ando tão saturada da rotina qoutidiana, que um dia destes, desapareço pelo mundo, e só volto daqui por um mês ou dois, como fizeram aquele casalinho simpático que decidiu dar a volta ao mundo em 8 meses...
Bem, eu fazia a coisa por menos, e voltava de lá completamente "nova", que as viagens para mim, é das poucas coisas que me fazem esquecer tudo e mais alguma coisa...

Mas pronto, agora tenho é que ir ali a Algés, para mais umas aulinhas de dança, que é quase a mesma coisa...

domingo, outubro 08, 2006

Será mesmo amor?



Hoje estive a ver um filme á tarde na Tv e achei piada á conversa de uma mulher, que se questionava sobre algumas coisas....

Conversava ela com o futuro noivo, com quem ia casar daí por 15 dias:

Ela: Mas porque achas que eu sou mesmo "aquela", a pessoa especial?
Ele: Porque me sinto mais feliz...
Ela: Eu também me sinto mais feliz quando como um gelado...

O que acham, que ela chegou a casar-se??

sexta-feira, outubro 06, 2006

E porque ajudar...

...faz bem á alma, cá vai uma sugestão, para todas as meninas que apreciam uma bonita peça de bijuteria , e para todos os meninos que gostam de ver as suas meninas bonitas, e não sabem o que lhes oferecer por vezes :-)

http://mariabiju.blogspot.com/2006/09/tiago-mendes.html

Sei que o blog da Maria já apareceu em muitos locais e também em muitos blogs, mas não custa nada divulgar mais um vez já que ela bem precisa de ajuda.

Deixo também uma sugestão para este final de semana, (e ralacionado com o mesmo tema) uma feira de artesanato em Vila Franca de Xira.

Feira Anual e 26.ª Salão de Artesanato – 30 de Setembro a 8 de Outubro

FEIRA ANUAL E XXVI SALÃO DE ARTESANATO
De 30 de Setembro a 8 de Outubro
Parque Urbano de Vila Franca de Xira

Confiram mais informação em: www.cm-vfxira.pt

quinta-feira, outubro 05, 2006

Personalidade.







You have a strong need to belong, and you very loyal.A good listener, you excell at helping others in practical ways.In your spare time, you enjoy engaging your senses through art, cooking, and music.You find it easy to be devoted to one person, who you do special things for.
You would make a good interior designer, chef, or child psychologist.

Maturidade.


Entende-se por maturidade "a entrada no mundo adulto", mas o que define a maior maturidade de cada um de nós, em relação aos outros?
Será apenas a passagem do tempo , será uma mudança de comportamentos e personalidade, ditada pelos muitos probelmas que a vida nos coloca, ou será um conjunto dos dois factores?
Não me parece de todo, que por sermos apenas mais velhos cronologicamente falando, nos poderemos considerar como mais "maduros" comparando com alguém mais novo. Conheço pessoas de 40 anos bastante infantis, a quem daria uma belas palmadas se fossem (apesar de não ser defensora da violência fisica em idade nenhuma) meus filhos; por outro lado conheço pessoas por exemplo com 25 anos que tem uma sabedoria de vida, uma visão do mundo e dos outros que me deixa bastante surpreendida, pela positiva.
Posso até dizer que estas pessoas são mais "velhas" do que as de 40 anos...

Talvez este texto responda de certa maneira a esta questão:
Maturidade é a habilidade de controlar a ira e resolver as
discussões sem violência ou destruição.
Maturidade é paciência;
é a vontade de deixar para depois o prazer imediato
em favor de um benefício a longo prazo.
Maturidade é perseverança;
é a habilidade de levar um projeto ou uma
situação adiante, apesar de forte oposição e retrocessos decepcionantes.

Maturidade é a capacidade de encarar desgostos frustrações, derrotas sem queixa nem abatimento.

Maturidade é humildade; é ser suficientemente grande para dizer enganei-me; e, quando está correta, a pessoa madura não necessita experimentar a satisfação de dizer "eu disse-te".

Maturidade é a capacidade de tomar uma decisão e mantê-la; os imaturos passam suas vidas explorando possibilidades, para, no fim, nada fazerem.

Maturidade significa confiabilidade: manter a própria palavra, superar a crise; os imaturos são os mestres da desculpa, são os confusos e desorganizados; suas vidas são uma mistura de promessas quebradas, amigos perdidos, negócios sem terminar e boas intenções que nunca se convertem em realidade.

Maturidade é a arte de viver em paz com o que é impossível mudar


terça-feira, outubro 03, 2006

Turismo em espaço rural.

E porque vem aí um feriado e muita gente, vai dar uma voltita ( e fazer a tal "ponte" de que o Governo não gosta mesmo nada)resolvi vos deixar a minha opinião sobre essa coisa que está muito na moda agora e que é o Turismo em Espaço Rural :-).


Trata-se de um desporto nacional que antes se chamava "ir à terra". A diferença é que se fores à tua terra, vais de borla, e se fizeres turismo rural vais a uma terra que não é a tua e pagas uma pipa de massa. Para fazer turismo rural qnão serve qualquer terra. Tem de ser uma Terra "com encanto". E o que é uma terra "com encanto"? Obviamente, é uma terra que está num guia de terras "com encanto". Está-se mesmo a ver. A estas terras chega-se normalmente por uma estrada municipal "com encanto", que é uma estrada com tantos buracos e tantas curvas que quando chegas à terra estás mortinho para sair do carro. E quando entras no café tentas integrar-se com os vizinhos:

- Bom dia, compadres! O que é que é típico daqui? E o gajo do café pensa: "Aqui o típico é que venham os artolas da cidade ao fim-de-semana gastar duzentos contos".

A seguir, ficas instalado numa casa rural ou "casa com encanto", que é uma casa decorada com muitos vasinhos e réstias de alhos penduradas do tecto, que não tem televisão, nem rádio, nem microondas. Em contrapartida, tem uns cabrões de uns mosquitos que à noite fazem mais barulho que uma Famel Zundapp. Depois apercebes-te que os da terra vivem numas casas que não têm encanto nenhum, mas têm jacuzzi, parabólica, Internet e video-porteiro. A tua casa não tem video-porteiro, mas tem uma chave que pesa meio quilo. Outra vantagem de fazer turismo rural é que podes escolher entre uma casa vazia ou ir viver com os donos da casa. Fantástico!!!
Vais de férias e, além da tua, ainda tens de aguentar uma família postiça. Se à noite queres ver o filme, eles os documentários e tu perguntas-te:

-"Quem é que manda mais? Eu, que paguei 600 euros ou este senhor que vive aqui?" Ganha ele, que tem um cacete.
Ainda por cima, dizem-te que tens "a possibilidade de te integrares nos trabalhos do campo". O que quer dizer que te acordam às cinco da manhã para ordenhar uma vaca. Não te lixa? É como ires à bomba da gasolina e teres de pôr tu a gasolina, ou como ires ao MacDonalds e teres de arrumar o tabuleiro. Ou seja, o normal. Então, levantas-te às cinco para ordenhar as vacas. E digo eu: porque raio é que é preciso ordenhar as vacas tão cedo? O leite está lá! Não se podem ordenhar depois do pequeno-almoço?
Eu acho que isto é só para chatear, porque a vaca deve fica muito contente por a acordarem às cinco da manhã para um estranho lhe vir mexer nas mamas. A vaca olha
para ti como se dissesse:
-"Ouve lá, pá! Se queres leite vai ao frigorífico e abre um pacote!" É que é mesmo só para chatear!!!

Mas o "encanto" definitivo são "as actividades ao ar livre". Como quando te põem a fazer caminhada, que é aquilo a que normalmente se chama andar, e consiste, exactamente, em por um pé em frente ao outro até não poderes mais, enquanto
os da terra vão num jipe com ar condicionado. Mas tu, feliz da vida, vais pelo campo atordoado.
Tornas-te bucólico e tudo te parece impressionante: vês uma vaca
e dizes: "Ummmmm, que cheirinho a campo". A campo não, a bosta!!! Mas,
isso sim, é a bosta "com encanto". E tudo, seja o que for, te sabe maravilhosamente: na mesa pespegam-te dois ovos estrelados com chouriço e tu na cidade não comes estes ovos, nem estes chouriços. E perguntas ao empregado:
- Este chouriço é da matança? - Quase, porque o gajo do camião da Izidoro ia morrendo ali na curva.

De repente, ouves umas badaladas e dizes:
- Ah! Que paz! Não há nada como o som de um sino!...
E o gajo do café diz-te:>> - É gravado. Não vê o altifalante no campanário Nesse momento, perguntas-te se os ruídos das galinhas e dos grilos não estarão num CD: "RuralMix2006", "Os 101 Maiores Êxitos Campestres".

A única coisa de que tens a certeza é que os cabrões dos mosquitos são verdadeiros.Pareces um Ferrero Rocher com varicela!!! Eu acho que, de segunda a sexta, as pessoas desta terras vivem como toda a gente, mas ao fim-de-semana espalham pela estrada uns tipos mascarados de pastores e quando vêem que se aproxima um carro, avisam os da terra pelo telemóvel:
-"Hei, vêm aí os do turismo rural!" E mudam o cartaz de "Videoclube" pelo de "Tasca", soltam uns cães pelas ruas e sentam à entrada na terra dois avozinhos a fazer sapatos, que depois tu compras uns e saiem-te mais caros que uns Nike. Enfim, acho que uma montagem tão grande como esta não pode ser obra de pessoas isoladas. Tenho a certeza de que estão implicadas as autoridades. Imagino o Presidente
da Câmara:
- "Queridos conterrâneos: este Verão, para aumentar o turismo, vamos importar mais mosquitos do Amazonas, que no ano passado tiveram imenso êxito. E quero ver toda a gente com boina, nada de bonés de pala da Marlboro. E façam o favor de pintar o espaço entre as sobrancelhas, que assim não parecem da província! E ás avós: nada de topless na ribeira, que espantam os mosquitos! E só mais uma coisa: este ano não é preciso ninguém fazer de maluquinho da terra, que com os que vêm de fora já chega!
P.S. Este texto não é de minha autoria, creditos mantidos, portanto, mas não queria deixar de partilhar com aqueles que me leiem, porque obviamente me fez rir á gargalhada :-).

Como viver (melhor).

O pensador russo Guerdjef, que no início do século passado já falava em auto-conhecimento e na importância de se saber viver, dizia em sua tese:

"Uma boa vida tem como base o sentido do que queremos para nós em cada momento e daquilo que, realmente, vale como principal".

Assim sendo, ele traçou 20 regras de vida que foram colocadas em destaque no Instituto Francês de Ansiedade e Stress, em Paris.
Dizem, os experts em comportamento, que quem já consegue assimilar 10 delas, com certeza, aprendeu a viver com qualidade interna. Ei-las:
1 - Faça pausas de dez minutos a cada duas horas de trabalho, no máximo. Repita essas pausas na vida diária e pense em você, analisando suas atitudes.
2 - Aprenda a dizer NÃO sem se sentir culpado ou achar que magoou. Querer agradar a todos é um desgaste enorme.
3 - Planeje seu dia, sim, mas deixe sempre um bom espaço para o improviso, consciente de que nem tudo depende de você.
4 - Concentre-se em apenas uma tarefa de cada vez. Por mais ágeis que sejam os seus quadros mentais, não se desgaste..
5 - Esqueça, de uma vez por todas, que você é imprescindível. No trabalho, em casa, no grupo habitual. Por mais que isso lhe desagrade, tudo anda sem a sua atuação, a não ser, você mesmo.
6- Abra mão de ser o responsável pelo prazer de todos. Não é você a fonte dos desejos, o eterno mestre de cerimônias.
7 - Peça ajuda sempre que necessário, tendo o bom senso de pedir às pessoas certas.
Diferencie problemas reais de problemas imaginários e elimine-os porque são pura
perda de tempo e ocupam um espaço mental precioso para coisas mais importantes.
8 - Tente descobrir o prazer de fatos cotidianos como dormir, comer, tomar banho, sem também achar que é o máximo a se conseguir na vida.
9 - Evite se envolver na ansiedade e tensão alheias enquanto ansiedade e tensão. Espere um pouco e depois retome o diálogo, a ação.
10 - Família não é você, está junto de você, compõe o seu mundo, mas não é a sua própria identidade.
11 - Entenda que princípios e convicções fechadas podem ser um grande peso, a trave do movimento e da busca.
12 - É preciso ter sempre alguém em que se possa confiar e falar abertamente ao menos num raio de cem quilômetros. Não adianta estar mais longe.
13 - Saiba a hora certa de sair de cena, de retirar-se do palco, de deixar a roda. 14 - Nunca perca o sentido da importância sutil de uma saída discreta.
15 - Não queira saber se falaram mal de você e nem se atormente com esse lixo mental; escute o que falaram bem, com reserva analítica, sem qualquer convencimento.
16 - Competir no lazer, no trabalho, na vida a dois, é ótimo... para quem quer ficar esgotado e perder o melhor.
17 - A rigidez é boa na pedra não no homem. A ele cabe firmeza, o que é muito diferente.
18 - Uma hora de intenso prazer substitui com folga 3 horas de sono perdido. O prazer recompõe mais que o sono. Logo, não perca uma oportunidade de divertir-se.
19 - Não abandone suas três grandes e inabaláveis amigas: a intuição, a inocência e a fé.
20 - Entenda de uma vez por todas, definitiva e conclusivamente: você é o que se fizer!

É longo, mas acho que vale a pena, ler e "passar á práctica"... :-)